01/10/20

Waugh vs Powell

Anthony Powell: Dancing to the Music of Time

Hilary Spurling


Fathers and Sons

Alexander Waugh



He observed that the Howses that had the smallest beer had the most drunkards...

John Aubrey

Nos retratos que Henry Lamb fez de Anthony Powell e Evelyn Waugh, vemos um Powell gauche, esbatido entre os ocres do fundo, olhando obliquamente; Waugh, por sua vez, desafia quem o vê, numa pose deliberada que indica dandismo e deboche. Dizer que estão aí pintadas as suas personalidades não é completamente verdade, mas Lamb consegue captar muito bem a essência do carácter de ambos.

Waugh e Powell foram muitas vezes comparados, ou antes, usaram muitas vezes um para atacar o outro. No entanto, a comparação não é descabida: tinham quase a mesma idade, escreveram romances cómicos e foram ambos acusados de serem snobs, "most of us are at heart", como dizia Widmerpool, em A Dance to the Music of Time

Powell, que trabalhava na editora Duckworths, sugeriu o nome de Waugh para escrever uma biografia de Rossetti, o seu primeiro livro. Mais tarde, encontraram-se quando Powell tirava um curso de impressão e Waugh um de carpintaria; um presente pouco auspicioso e um passado cheio de problemas familiares criou uma ligação para a vida. Ambos tiveram uma infância tipicamente inglesa, infeliz, portanto. O pai de Powell era uma criatura volúvel e, por motivos profissionais, fez o pequeno Anthony mudar muitas vezes de casa, acrescentando uma instabilidade à outra. O pai de Waugh era um pai extremoso, mas gastou todo o seu carinho no irmão de Evelyn, Alec.

As semelhanças são muitas, mas o seu temperamento não podia ser mais diferente. Numa das muitas comparações, Hartley escreve: «Mr Waugh carries the heavier guns but Powell hits the target quite as often, and drills a neater hole». O estilo é a pessoa: Waugh destrói; Powell desconstrói. Gregário e generoso, Powell conhece toda a gente que é possível conhecer e Waugh, não se ficando, irrita toda a gente que é possível irritar. Powell observa impassivelmente; Waugh é o centro das atenções e só se retira quando já queimou tudo. De resto, admiraram-se mutuamente.

Ambas as biografias são divertidíssimas, mas Evelyn Waugh fica pior no retrato. Convém dizer que a biografia foi escrita pelo seu neto, Alexander Waugh, e há certas coisas que só um familiar pode escrever num livro, ou dizer, à frente da nossa nova namorada, numa festa de Natal.


Sem comentários:

Publicar um comentário