27/09/16

Reparei que desde que comecei a perder cabelo as pessoas tendem a acreditar mais na minha falsa melancolia olha-horizontes-com-olhos-brilhantes. Foi-se o cabelo, ficou a personagem.

26/09/16

depois do Verão não se vê o Futuro

Voilá done le beau miracle de votre civilization! De l'amour vous avez fait une affaire ordinaire,

Barnave

-- E está contente? Quero dizer, contente consigo próprio.
-- Bah, tanto quanto possível. Chega um momento em que se deve decidir: ou se continua fiel aos princípios ou se ganha dinheiro.

Mario Benedetti, Obrigada pelo Lume

22/06/16

[doxografia] atordoadas


  • Imagem
    Jorge Ribeirohá 21 horas


    qual o interesse desta notcia senhores jornalistas ? nota se mesmo a hipocrisia da imprensa que necessita de lançar atordoadas mesquinhas e arranjar temas para lançar confusão, e a imprensa que temos
    1

    Responder

    Partilhar ›



    20/06/16



    comentário a uma crítica negativa a um livro de josé rodrigues dos santos

    Nota: Esta crítica foi produzida por um cérebro ufano com uma pitada de zelotipia.

    Manuel Sequeira

    15/06/16

    Hoje acaba Fevereiro. Um mês bom para os presos: conta como um mês e tem menos 3 dias! Sempre é alguma coisa!

    José Luandino Vieira, Papéis da Prisão

    04/06/16

    myprotein.com (link patrocionado)

    sei que é brasileira,
    quem vê cus não vê passaportes,
    e eu com a cabeça desfalcada à Foucault
    (que faria as delícias
    de colhedores de primícias
    na ardente Tunísia)
    ao sol lendo sobre a idade do bronze
    sem testosterona
    nem whey protein.
    #weekend

    02/06/16

    united colors of benetton ®

    na internet tentei ter argumentos
    em múltiplos esperantos. 
    instagram + logos:
    rompo o véu Maya
    vejo a quinta máscara de Kakashi-sensei
    e um rosto semi-oculto que se ri com olhos tristes.

    estudos compositivos

    Bem-vindos à fase pós-escrita deste blog. Agora só uso emoticons e hashtags para comunicar. Às vezes escrevo alexandrinos em esplanadas para efeitos de composição cénica -- ironicamente, claro está.


    "reeducação", in Dicionário Priberam da Língua Portuguesa [em linha], 2008-2013, http://www.priberam.pt/dlpo/reeduca%C3%A7%C3%A3o [consultado em 02-06-2016].


    — Como estás bonita, Diella, quero comer-te inteirinha, Diella! Que pernas, Senhor, que belas pernas que tu tens, perfeitas que nem garrafas de champanhe.

    As pernas de Diella eram champanhe. Na pior das hipóteses, as garrafas que continham o champanhe. (devo esclarecer que o champanhe não existia naquele país. Imaginem então os apetites, impossíveis e violentos, que podia fazer nascer essa bebida inacessível, desconhecida, sonhada até dizer basta.)

    Ornela Vorpsi


    tfw o benfica ganhou o campeonato (Vaseline ®)

    como é que vai a vida, amigos?